.comment-link {margin-left:.6em;}

The Sun Green Hills

Conversas de café e outros devaneios...

greendale

segunda-feira, julho 24, 2006

Podia ser perto de casa...

Realiza-se este ano a primeira edição do Sagres Surf Festival que vai acontecer mais precisamente na praia do Tonel nos dias 14 e 15 de Agosto.
Este festival procura divulgar o melhor da Surf Music,tal qual, tinha acontecido o ano passado em Ribeira d'Ilhas com o Sapo Surf Bits.
O cartaz está finalmente completo e sobressaem as presenças de Michael Franti and Spearhead,Xavier Rudd e Slightly Stoopid.
Este será um bom argumento para uma saltada a um Algarve mais alternativo, longe das suas invasões turisticas.

14 Agosto
Patrice
Michael Franti and Spearhead
Xavier Rudd
The Beautiful Girls
Money Marker$

15 Agosto
Slighlty Stoopid
Natiruts
Mishka
Pierre Ardene
Mercado Negro

sábado, julho 15, 2006

d i s t a n c i a

A veces fantaseo con la idea de cerrar los ojos unos minutos y al abrirlos encontrarme en el otro extremo del planeta. De poder coger distancia de lo que sucede de forma inmediata o incluso simultanea al propio acontecer. Poder, al fin y al cabo, separarme de mi yo, del personaje y del decorado con el que en un momento dado me identifico, y que al identificarme van uniendose a los momentos sucesivos encadenando a un pasado (y a un drama) a ese personaje. A menudo intento buscar analogías (aunque sea de una forma poética, poco rigurosa) entre lo que sucede fuera y lo que ocurre dentro. ¿Y si viajar fuera un deseo de separarse no solo de donde se está, si no de lo que se es, o se cree ser?¿Y si el viaje global fuera la vida y el viajante la consciencia total en el presente eterno? ¿Y si ser viajante es "recorrer cada estado de nuestra alma"(Como dice nuestro amigo Kata)?
La distancia es una ilusión que nos acerca a la dimensión de la esencia.


DISTANCIA / DISTÂNCIA

A menudo hay que tomar cierta distancia
Para enfocar objetos, pensamientos y sentimientos
Y percibir lo cerca que estas de tu corazón
Cuando te encuentras lejos de lo que has aprendido a amar.

Observar tu hogar, tu familia, tu patria
Como quien mira su infancia
Propia y ajena, entrañable y extraña,
Y recorrer con la mirada de tus entrañas

La trayectoria de tu cuerpo en el tiempo.
Respirar tu soledad como único alimento
Hacer de ti y de lo que llevas dentro, el sustento
De una vida en continua expansión en el presente.

Llamar por teléfono al futuro
Y decirle que no llegarás a tiempo,
Escribirle una carta en blanco al pasado
Con todos tus recuerdos.

Gritarle al imposible que lo intentarás de nuevo,
Darle gracias al fracaso por todo el éxito,
Dejarte llevar por el ritmo frenético
De la calma la tranquilidad y el sosiego.


Amiúde há que assumir uma certa distância
Para focalizar os objectos, pensamentos e sentimentos
E perceber o perto que estás do teu coração
Quanto te encontras longe do que já aprendeste a amar.

Observa o teu lar, a tua família, a tua pátria
Como quem olha para a sua infância
Própria e alheia, entranhável e estranha,
E percorre as tuas entranhas com o olhar

A trajectória do teu corpo no tempo.
Respirar a tua solidão como único alimento
Fazer de ti e do que tens o teu sustento
De uma vida em continua expansão no presente

Telefonar ao futuro
E dizer-lhe que não chegarás a tempo,
Escrever uma carta em branco ao passado
Com todas as tuas recordações.

Gritar ao impossível que tentarás novamente
Dizer obrigado ao fracasso por todo o êxito,
Deixar-te levar pelo ritmo frenético
Da calma, da tranquilidade e do sossego.
Beijing-03

terça-feira, julho 11, 2006

Quando a felicidade é algo de muito sereno...

Quando o calor nos faz caminhar, o silêncio é vivido com um sorriso lento e a saudade e o presente se cruzam tornando o agora em algo imperceptivelmente abstracto, toda a nossa alma se preenche do Universo.


Bússolas viradas a Sul: Já estamos a caminho...

segunda-feira, julho 10, 2006

Kaixo

Kaixo denoi! Kopi nauzue. Euskal Herrian jaioa, 28 urteko mutila naiz. Acupuntura, Osteopatía ta Masaia ikaslea, nere beste bokazioa Poesia delarik. Normalean erderaz idatziko dut, normalean erderaz mintzatzen naizelako, baina euskeraz eta portugesez idazkinak agertuko dira baita ere.
Hola a tod*s! Soy Kopi, una persona humana de este planeta. Nací en un pequeño pais llamado Euskal Herria hace 28 años. Me dedico a la terapia manual. La poesía además de ser mi medio de expresión cretivo preferido, es para mí una forma de abrir vías de comunicación entre el consciente y el subconsciente. Un lenguaje simbólico y musical del que resulta una danza de significados, que abren el espacio suficiente para desplegar las alas de la imaginación sin las reservas de la moral y el tabú, tan libremente como en un sueño. Es para mí, sin duda alguna, la forma más bella, más útil y cierta que adquiere el lenguaje. Fernando Pessoa es para mí, el Poeta por excelencia. Ahí va una tarjeta de presentación:

MIENTRAS RESPIRO / ENQUANTO RESPIRO

De mí sé poco:
Que soy mis movimientos,
Que en cada segundo tendré un gesto
Y detrás un pensamiento.
Que me iré desprendiendo de palabras
Hasta llegar al silencio.
Que a menudo siento y deseo
Que ignoro, sólo imagino que sé.
Que fui niño y que duermo y que sueño.


De mim pouco sei
Que sou apenas os meus movimentos
Que em cada segundo terei um gesto
E por detrás um pensamento.
Que irei desprendido de palavras
Até chegar o silêncio.
Que amiúde sinto e desejo
Que ignoro, pois apenas imagino que o sei.
Que fui criança e que durmo e que sonho.

quinta-feira, julho 06, 2006

Reggae Sessions 2006




















www.reggaesession2006.no.sapo.pt

quarta-feira, julho 05, 2006

HI5

Uma das razões porque não adiro ao HI-5 (mas que faz com que o HI-5 seja um dos maiores espectáculos à face da Terra)

NOTA: Petizes e almas mais sensíveis, o link que se segue remete para conteúdos puxadinhos e nudez explícita de um indivíduo de meia-idade (basta clicarem no link que diz "View All 4 Photos"). Depois não digam que eu não avisei.

Há muitos amigos meus que me perguntam porque é que, teimosamente, eu resisto a aderir ao famoso Hi-5. Parte da explicação eu já dei numa edição já longínqua do HÁ VIDA EM MARKL da Antena 3; a outra tenho de dar hoje e resume-se a este link, descoberto pelo Bruno Raposo:

http://www.hi5.com/friend/profile/displayGallery.do?userid=33411214&artistType=

Quem é que me garante que, juntando-me eu ao Hi-5, de repente, este senhor (polícia, tudo indica, a ver por uma das fotografias que ele tem no perfil) não quer ser meu amigo? Seja como for, é sempre interessante perceber que os respeitáveis agentes da lei têm um lado humano.

Uma coisa sempre gira do Hi-5 é consultar as listas de "amigos" das pessoas. Este senhor inclui, na sua lista, uma tal Lindaneth, cuja foto é impressionante:

Ontem, enquanto trabalhava via Skype com o meu colega de escrita, o Francisco Palma, mostrei-lhe este maravilhoso mundo do Hi-5, ao que ele diz: "Olha que eu tenho a impressão que a foto da Lindaneth é aquela modelo brasileira espectacular, a Juliana Paes". De facto, não é preciso ter olhar de falcão para perceber que a fotografia do perfil de Lindaneth é a de um wallpaper num editor de imagem e que o nome do ficheiro diz tudo, lá em cima:

Bom. Apesar de ser claro e evidente que isto é uma foto de uma luxuosa produção da Juliana Paes, isso não impede que entusiasmados Hi-5ers do calibre do nosso amigo lá de cima e de um outro senhor de barbas sonhem que esta moça está mesmo do lado de lá do computador, registada no Hi-5. E aqui, na zona dos comentários, vemos duas abordagens diferentes de dois homens que, claramente, estão desesperadas por estar junto de um corpo nu de uma mulher. São ambas válidas e haverá decerto mulheres que se deixem seduzir por uma ou outra abordagem. Não ponho as mãos no fogo que Juliana Paes seja uma dessas mulheres, no entanto.

Cá está: Carlos optando pela abordagem badalhoca, e sem qualquer pudor de o fazer no horário nobre das 10 e meia da noite; José, o solitário das madrugadas, optando pela abordagem sensível das 3 e 36 da manhã, dando ainda os parabéns a Lindaneth por ter o corpo de Juliana Paes. Acredito que qualquer um deles tenha verificado a caixa de correio horas depois, para ver se a voluptuosa Lindaneth lhes respondeu; lamentavelmente, suspeito que nenhum deles irá ter relações com a Juliana Paes, apesar de ser louvável o seu esforço e a sua inabalável força de vontade. Bravo!

Fonte: "Há Vida em Markl" - http://www.havidaemmarkl.com/